Blog do Estudante de Atuariais: Contabilidade
Mostrando postagens com marcador Contabilidade. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Contabilidade. Mostrar todas as postagens

terça-feira, 14 de maio de 2019

Exercícios Resolvidos - Contabilidade de Seguro

Com os dados a seguir, contabilizar:
1) Emissão da Apólice
2) Cobrança da 1ª fatura (3 parcelas x 4.500,00)
3) Pagamento ao Corretor de Seguros
Importância Segurada (IS) = 430.100,00
Prêmio de Seguro = 3% s/ IS
IOF 57,00
Juros s/ Prêmio = 500,00
Recuperação de custos com EA = 40,00
Prêmio de Cosseguro C = 25% s/ prêmio de seguro
Juros s/ Prêmio de CC = 150,00
Comissão de Seguros = 10% s/ prêmio de seguro
Comissão de Cosseguro C = 10% s/ prêmio de CC

Resolução:
1) Emissão da Apólice:
a) Prêmio
D – 113 111- Ramo – Prêmios a Receber – Direto – Prêmios – Riscos Vigentes Emitidos – 13.460
C – 311 1111 – Ramo – Prêmios de Seguros – Direto – Riscos Emitidos – 12.903 (3% s/ I.S)
C – 21124 – IOF a recolher – 57,00
C – 113 113 – Juros a apropriar – 500,00
b) Comissão
D – 314 1111-Ramo – Comissões sobre Prêmio Emitido – Direto – Riscos Vigentes – 1.290,30
C – 212 511-Ramo – Comissão s/ P. Emitidos – Direto – Comissões – 1.290,30
2) Cobrança da 1ª fatura (3 parcelas x 4.500,00)
D – 11131 – Banco Conta Movimento – 4.500
C – 21541 –Prêmios e Emolumentos recebidos – 4.500
D – 21541 – Prêmios e Emolumentos recebidos – 4.500
C – 113111-Ramo – Prêmios a Receber – Diretos – Prêmios – Riscos Vigentes Emitidos – 4.500
D – 113113 – Juros a apropriar – 166,67
C – 361611 – Receitas Financeiras – Seguros – Juros – 166,67 (500/3)
D – 212511.Ramo – Comissões s/ Prêmio Emitido – Direto – Comissões – 1.290,30
C – 21241 – Comissões a pagar – 1.290,30
3)Pagamento ao Corretor de Seguros
D – 21241 – Comissões a pagar - 1.290,30
C – 21122 – IRRF (1,5% s/ 1.290,30) – 19,35
C – 11131 – Banco Cta. Movimento – 1.270,95

Exercícios Resolvidos - Contabilidade de Seguro

Com os dados a seguir, contabilizar:

1) Emissão da apólice
2) Cobrança da fatura
3) Pagamento ao Corretor de Seguros
4) Liquidação com a Resseguradora
5) Pagamento de IOF e IRRF
Importância Segurada (IS) = 1.604.000,00
Prêmio de Seguro = 2% s IS
IOF 640,00
Prêmio de Resseguro Cedido = 40% s/ Prêmio de Seguro
Comissão de Seguros = 10% s/ Prêmio de Seguro
Comissão de Resseguro C = 10% s/ Prêmio de Resseguro

Resolução:
1) Emissão da Apólice:
a) Prêmio
D – 113 1111- Ramo – Prêmios a Receber – Direto – Prêmios – Riscos Vigentes Emitidos – 32.720
C – 311 11111 – Ramo – Prêmios de Seguros – Direto – Riscos Emitidos – 32.080,00 (2% s/ I.S)
C – 21124 – IOF a recolher – 640,00
b) Comissão
D – 314 1111-Ramo – Comissões sobre Prêmio Emitido – Direto – Riscos Vigentes – 3.208
C – 212 511-Ramo – Comissão s/ P. Emitidos – Direto – Comissões – 3.208
2) Cobrança da fatura s/ retenção do IOF
D – 11131 – Banco Conta Movimento – 32.720
C – 21541 –Prêmios e Emolumentos recebidos – 32.720
D – 21541 – Prêmios e Emolumentos recebidos – 32.720
C – 1131111-Ramo – Prêmios a Receber – Diretos – Prêmios – Riscos Vigentes Emitidos – 32.720
D – 212511.Ramo – Comissões s/ Prêmio Emitido – Direto – Comissões – 3.208
C – 21241 – Comissões a pagar – 3.208
3)Pagamento ao Corretor de Seguros
D – 21241 – Comissões a pagar - 3.208,00
C – 21122 – IRRF (1,5% s/ 3.208) – 48,12
C – 11131 – Banco Cta. Movimento – 3.159,88
4) Liquidação com a Resseguradora
4.1) Emissão de apólice cedida em Resseguro
a) Prêmio de Resseguro
D - 31931111.Ramo - Despesas c/ Resseguros – Prêmios de Resseguros – Direto – Resseguradora Local – Prêmios – 12.832
C - 2123111.Ramo -Resseguro Cedido – Resseguradora Local – Prêmios de Riscos Emitidos – 12.832
b) Comissão de Resseguro Cedido
D - 2123113.Ramo - Resseguro Cedido – Resseguradora Local – Prêmios – Comissões – 1.283,20
C - 31931112.Ramo - Despesas c/ Resseguros – Prêmios de Resseguros – Direto – Resseguradora Local – Comissões s/ Prêmios cedidos em resseguro – 1.283,20
4.2) Cobrança de apólice cedida em Resseguro
a) Transferência de prêmio de resseguro cedido
D - 2123111.Ramo - Resseguro Cedido – Resseguradora Local – Prêmios – Riscos Emitidos – 12.830
C – 2123211 - Resseguro a Liquidar – Resseguradora Local – Prêmios - 12.830,00
b) Transferência de comissão s/ prêmio de resseguro cedido
D – 2123212 - Resseguro a Liquidar – Resseguradora Local – Comissões – 1.283,20
C - 2123113.Ramo - Resseguro Cedido-Resseguradora Local-Prêmios – Comissões s/ seguros cedidos em resseguro – 1.283,20
5) Pagamento de IOF e IRRF
D – 21122 – IRRF 48,12
D – 21124 – IOF 640,00
C – 11131 – Banco Cta. Movimento – 688,12

Exercícios Resolvidos - Contabilidade de Seguro

Com os dados a seguir, contabilizar a emissão do prêmio e a cobrança da fatura.

Importância Segurada (IS) = 580.000,00
Prêmio de Seguro = 4% s/IS
Juros s/ Prêmio = 464,00
Prêmio de CC = 35% s/ Prêmio de Seguro
Juros s/ Prêmio de CC = 162,40
Comissão de Seguros = 11% s/ prêmio de seguro
Comissão de CC = 11% s/ prêmio de CC

Resolução:
1) Emissão da Apólice:
a) Prêmio
D – 113 1111- Ramo – Prêmios a Receber – Direto – Prêmios – Riscos Vigentes Emitidos – 23.744
C – 311 11111 – Ramo – Prêmios de Seguros – Direto – Riscos Emitidos – 23.200,00 (4% s/ I.S)
C – 21124 – IOF a recolher – 80,00
C – 113113 – Juros a apropriar – 464,00
b) Comissão
D – 314 1111-Ramo – Comissões sobre Prêmio Emitido – Direto – Riscos Vigentes – 2.552
C – 212 511-Ramo – Comissão s/ P. Emitidos – Direto – Comissões – 2.552
2) Cobrança da fatura s/ retenção do IOF
D – 11131 – Banco Conta Movimento – 23.744
C – 21541 –Prêmios e Emolumentos recebidos – 23.744
D – 21541 – Prêmios e Emolumentos recebidos – 23.744
C – 1131111-Ramo – Prêmios a Receber – Diretos – Prêmios – Riscos Vigentes Emitidos – 23.744
D – 212511.Ramo – Comissões s/ Prêmio Emitido – Direto – Comissões – 2.552
C – 21241 – Comissões a pagar – 2.552

Exercícios Resolvidos - Contabilidade de Seguro

Estas são as operações realizadas no mês de abril na “Cia. Seguradora S/A”. Contabilize em razonetes todas as operações do mês, levante o Balancete de Verificação, a Demonstração do Resultado do Exercício e o Balanço Patrimonial.
1) Constituição da “Cia. Seguradora S/A” com depósito de capital em dinheiro: R$200.000,00.
2) Emissão de uma apólice de seguros por R$30.000,00 a receber em 60 dias.
3) Registro da comissão de 30% sobre uma apólice de seguro de R$9.000,00.
4) Constituição da reserva técnica para cobertura de possíveis sinistros: R$28.750.
5) Gastos fixos do mês: R$1.300.
6) Registro da variação da despesa comercial diferida: 1/12 das despesas comerciais, no valor de R$750,00.
7) Registro da variação da reserva de prêmio não ganho: 1/12 da reserva de prêmio não ganho, no valor de R$2.500,00.
8) Compra de ações na Bolsa de Valores: R$25.000,00.
9) Compra a prazo de um imóvel: R$25.000,00.
10) Aviso de sinistro no valor de R$12.000,00
11) Pagamento da indenização no valor de R$12.000,00
12) Recebimento de receita de aplicação financeira, R$2.280,00.
13) Resultado de Equiparação Patrimonial: R$5.000,00
14) Baixa da provisão de sinistro.

Resolução:
1) Constituição da “Cia. Seguradora S/A” com depósito de capital em dinheiro: R$200.000,00.
D – Disponível – 200.000
C – Capital – 200.000
2) Emissão de uma apólice de seguros por R$30.000,00 a receber em 60 dias.
D – Contas a receber – 30.000
C – Receitas de Prêmios Diretos – 30.000
3) Registro da comissão de 30% sobre uma apólice de seguro de R$9.000,00.
D – Despesas de comercialização diferidas – 9.000
C – Comissões a pagar – 9.000
4) Constituição da reserva técnica para cobertura de possíveis sinistros: R$28.750.
D – Variações das Provisões Técnicas– 28.750
C – Provisões Técnicas – 28.750
5) Gastos fixos do mês: R$1.300.
D – Salários e Encargos – 1.300
C – Disponível – 1.300
6) Registro da variação da despesa comercial diferida: 1/12 das despesas comerciais, no valor de R$750,00.
D – Variação da Despesa Comercial Diferida - 750
C – Despesas de Comercialização diferida – 750 (op.3)
7) Registro da variação da reserva de prêmio não ganho: 1/12 da reserva de prêmio não ganho, no valor de R$2.500,00.
D – Provisão de Prêmios Não Ganhos – Direto – Riscos Emitidos
C – Variação das Provisões Técnicas – PPNG - Direto
8) Compra de ações na Bolsa de Valores: R$25.000,00.
D – Participações Acionárias Permanentes – 25.000
C – Disponível – 25.000
9) Compra a prazo de um imóvel: R$25.000,00.
D – Imóveis – Inversões Imobiliárias – 25.000
C – Títulos a pagar – 25.000
10) Aviso de sinistro no valor de R$12.000,00
D – Indenizações Avisadas – administrativas – Direto – 12.000
C – Provisão de Sinistros a Liquidar – Administrativo – Direto – 12.000
11) Pagamento da indenização no valor de R$12.000,00
D – Despesa c/ Indenização de Sinistro Ocorrido – 12.000
C – Bancos ou Disponível – 12.000
12) Recebimento de receita de aplicação financeira, R$2.280,00.
D – Disponível ou Bancos Conta Depósitos – Movimento – País – 2.280
C – Receita de Aplicação Financeira – 2.280
13) Resultado de Equiparação Patrimonial: R$5.000,00
D – Participações acionárias permanentes – 5.000
C – Resultado da Equiparação Patrimonial – 5.000
14) Baixa da provisão de sinistro
D – Provisão de Sinistros a Liquidar – Administrativo – Direto – 12.000
C – Provisões Técnicas – 12.000

segunda-feira, 13 de maio de 2019

Exercícios Resolvidos - Contabilidade de Seguro

Informações contábeis em Setembro/2014:

a) Prêmios de Seguros – Diretos (Vig. 01/09/14 – 31/08/15) – Apólice A: 210.000,00
b) Comissão s/ Prêmios Emitidos – Apólice A: 80.000,00
c) Prêmios de Seguros – Cosseguros Cedidos – Apólice A: 105.000,00
d) Provisão de Sinistros a Liquidar: 150.000,00
e) Recuperação de Comissões de CC – Apólice A: 40.000,00
f) Sinistros Ocorridos – Apólice B: 10.000,00

De posse das informações contábeis, calcule a seguir:
1) Resultado das Operações de Seguros no mês de Setembro de 2014;
2) Valor do Prêmio Ganho no período de 01/09/2014 até 31/12/2014.

Resolução:

PPNG (direto) = (210.000-105.000) x 335/365 = -96.370





 

Exercícios Resolvidos - Contabilidade de Seguro

De posse das informações a seguir, calcule o Resultado com as Operações de Seguros, do período de 01/01/2014 – 31/03/2014:

a) Apólice Mensal – Vig. 05/01/14 – 04/02/14
Importância Segurada: 800.000,00
Prêmio de Seguro: 2% da IS
Comissão de Seguro: 20% do Prêmio

b) Apólice Mensal – Vig. 15/03/14 a 14/04/14
Importância Segurada: 400.000,00
Prêmio de Seguro: 3% da IS
Comissão de Seguro: 20% do Prêmio
Cessão de 40%

Resolução:







(*) PPNG = 7200/30*14 = 3.360

Exercícios Resolvidos - Contabilidade de Seguro

De posse das informações a seguir, calcule:

a) valor da PPNG em Setembro de 2014.
b) Valor do Prêmio Ganho no período de 01/05/2014 a 30/09/2014

Informações contábeis em Maio de 2014:
- Prêmios de Seguros-Diretos (Vig. 01/05/2014 a 30/04/2015): 380.000,00
- Prêmios de Seguros – Cosseguros Cedidos: 90.000,00
- Comissão s/ Prêmios Emitidos: 60.000,00
- Sinistros Ocorridos: 320.000,00

Resolução:
a) PPNG = (380.000 – 90.000) x (31+30+31+31+28+31+30)/365 = 290.000 X 212/365 = 168.438
b) Prêmio Ganho = 380.000 – 90.000 – 168.438 = 121.562


sexta-feira, 10 de maio de 2019

Análise Demonstrativa Financeira - Exercícios Resolvidos - Contabilidade

1) RESPONDA:
1.1) Estabeleça a diferença entre o método direto e indireto para apresentação da Demonstração dos Fluxos de Caixa, conforme a CPC nº 03.
RESPOSTA NO ITEM 19 DA CPC 03
 
1.2) Cite DEZ alterações promovidas pela Lei nº 11.638/07 e MP nº449/08, que trouxeram impacto nos procedimentos e práticas contábeis no Brasil.
RESPOSTA NO ITEM 6 DA RESOLUÇÃO CFC 1.159

1.3) As Notas Explicativas são normatizadas por qual artigo da Lei nº 6.404/76?
Artigo 176, Parágrafo 4º
 
1.4) Os adiantamentos ou empréstimos a sociedades coligadas ou controladas, diretores, acionistas ou participantes no lucro da companhia, que não constituírem negócios usuais na exploração do objeto da companhia serão classificados em que grupo do Balanço Patrimonial?
RESPOSTA NO ARTIGO 179, ITEM II DA LEI 6.404/76
 
1.5) Suponha que em 01/03/2009 uma empresa tenha obtido um financiamento de R$ 5.000.000,00 em um banco, para ser pago em dez parcelas iguais e trimestrais, com três meses de carência para pagamento da primeira parcela. Como aparecerá classificada essa dívida no balanço da empresa devedora em 31/12/2009.
PASSIVO CIRCULANTE: R$ 2.000.000,00
PASSIVO NÃO CIRCULANTE: R$ 1.500.000,00

2) Balancete Final das Contas Patrimoniais da Empresa COELHO S/A, em 31/12/2008:
CONTAS SALDO – R$
Reserva Legal: 5.097,00
Reserva de Capital: 275.362,00
Empréstimos (Longo Prazo): 192.500,00
Salários a Pagar: 8.000,00
Imóveis: 3.451.251,00
Clientes: 602.976,00
Caixa: 396.085,00
Bancos Conta Movimento: 756.943,00
Estoques: 675.908,00
Títulos a Receber (longo Prazo): 100.013,00
Investimentos em Coligadas: 587.739,00
Depreciação Acumuladas de Imóveis: 500.000,00
Veículos: 693.044,00
Fornecedores: 926.045,00
Empréstimos: 495.420,00
Dividendos a pagar: 5.160,00
Ações em Tesouraria: 135.200,00
Depreciação Acumulada de Veículos: 53.959,00
Cofins a Pagar: 27.689,00
Pis a Pagar: 5.999,00
Provisão para a Contribuição Social: 5.567,00
Provisão para o Imposto de Renda: 9.354,00
ICM-S a Recolher: 53.205,00
Fornecedores (Longo Prazo): 650.000,00
Capital Social: 3.950.000,00
Reserva de Reavaliação: 80.000,00
Lucros Acumulados: 155.802,00

Estruture o Balanço Patrimonial da Empresa COELHO, em 31/12/2008 e informe:

2.1) Informe o Limite de Constituição da Reserva Legal da Empresa.
(3.950.000 X 20%) = R$ 790.000
LER ARTIGO 193 DA LEI 6.404/76

2.2) O Total de Débitos de Funcionamento.
1.691.019,00
2.3) O Total de Débitos de Financiamento.
687.920,00

2.4) A Composição do Capital Total da Empresa.



2.5) A Origem dos Capitais Próprios da Empresa.


2.6) Análise Vertical do Balanço Patrimonial



BALANÇO PATRIMONIAL


Análise Demonstrativa Financeira - Exercícios Resolvidos - Contabilidade

A Cia BONS LUCROS foi constituída em 31/12/2007 com a seguinte estrutura patrimonial:

Ativo Circulante – Caixa 20.000.000,00
Ativo Circulante – Aplicações Financeiras 20.000.000,00
Ativo Permanente – Terrenos 20.000.000,00
Patrimônio Líquido – Capital Social 60.000.000,00

Em 2008 tiveram as seguintes operações:
1) Compra a prazo de mercadorias: 11.000.000,00
2) Venda a prazo de mercadorias (35% do estoque): 12.500.000,00
3) Investimento de 60% na Cia POSITIVO S/A
4) Pagamento a Fornecedores, por Caixa: 1.500.000,00
5) Registros de Salários a Pagar no Exercício Seguinte: 28.000,00
6) Pagamento de Despesa de Aluguel, por caixa: 8.500,00
7) Aumento de Capital Como Imóveis: 25.000.000,00
8) Aumento de Capital em Dinheiro: 15.000.000,00
9) Pagamento de Despesas com Energia Elétrica, por caixa: 4.800,00
10) Depreciação de Imóveis: 800.000,00
11) Depósito no Banco Itaú: 8.200.000,00

INFORMAÇÕES ADICIONAIS:
a) A Taxa de rendimentos da aplicação financeira foi de 25%.
b) Patrimônio Líquido da Cia POSITIVO S/A, EM 31/12/2008.
Capital Social: 15.000.000,00
Prejuízos Acumulados: (5.000.000,00)
c) Impostos:
Contribuição Social: 9%
Imposto de Renda (Real Anual): 15% e Adicional de 10%
Pis: R$ 15.800,00
Cofins: R$ 55.100,00
ICM-S: 17%

PEDE-SE:
1) Estruture o balanço Patrimonial da Companhia Bons Lucros, em 31/12/2008 e Informe:
a) Total do Ativo Circulante. 67.921.200
b) Total do Ativo Não Circulante. 50.200.000
c) Total do Passivo Circulante. 17.898.179
d) Total do Patrimônio Líquido. 100.223.021
e) Informe o Limite de Constituição da Reserva Legal da Empresa. (100.000.000 x 20%) = 20.000.000

2) Análise Vertical do Balanço Patrimonial:






3) Índices Financeiros, Conforme abaixo:



4) Estruture a Demonstração do Resultado do Exercício da Companhia Bons Lucros, em 31/12/2008 e informe:
a) Lucro (prejuízo) Operacional. 8.267.300
b) Provisão para o Imposto de Renda. (2.792.825)
c) Lucro Bruto. 7.108.600
d) Custo das Mercadorias Vendidas. (3.195.500)
e) Resultado da Equivalência Patrimonial. (3.000.000)
 
5) Efetue a Análise Vertical da Demonstração do Resultado do Exercício:





DESENVOLVIMENTO DO EXERCÍCIO:

COMPRA DE MERCADORIAS A PRAZO
COMPRA 11.000.000
ICMS (11.000.000 x 17%) 1.870.000
ESTOQUE (11.000.000 - 1.870.000) 9.130.000

VENDA DE MERCADORIAS A PRAZO
VALOR DA VENDA 12.500.000
CMV (9.130.000 X 35%) 3.195.500
ICM-S (12.500.000 X 17%) 2.125.000

INVESTIMENTO
Cia Positivo (15.000.000 x 60%) 9.000.000

AVALIAÇÃO DOS INVESTIMENTOS

CIA POSITIVO
PATRIMÔNIO LÍQUIDO (15.000.000 - 5.000.000) 10.000.000
% PARTICIPAÇÃO 60,00%
EQUIVALENCIA PATRIMONIAL 6.000.000
INVESTIMENTO 9.000.000
RESULTADO NEGATIVO DO MEP (3.000.000)

RENDIMENTO DE APLICAÇÕES FINANCEIRAS
Juros Ativos (20.000.000 x 25%) 5.000.000

IMPOSTO DE RENDA:
LUCRO REAL
LLE(Antes IR e CS) 8.267.300,00
(+)RESULTADO NEGATIVO
MEP 3.000.000,00
LUCRO REAL 11.267.300,00

CÁLCULOS DOS IMPOSTOS











LANÇAMENTOS CONTÁBEIS:



























DEMONSTRAÇÃO DO RESULTADO DO EXERCÍCIO



sexta-feira, 12 de janeiro de 2018

Pela primeira vez, em 70 anos, uma mulher assume a presidência do CRC-RS

Atualmente, Ana é professora da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (Ufrgs) no Departamento de Ciências Contábeis e Atuariais. A profissional integrou o quadro de funcionários do CRCRS por 10 anos e participou como conselheira e vice-presidente da entidade de 2004 a 2009 e de 2014 a...

Ir para notícia

Fonte: Jornal do Comércio

terça-feira, 5 de dezembro de 2017

Exercício Contabilidade

Assinale a alternativa que contém uma conta contábil de outros resultados abrangentes:

a. Ganhos e perdas atuariais em planos de pensão.
b. Ganhos e perdas por variação cambial.
c. Ganhos e perdas por juros.
d. Ganhos e perdas por recuperação de créditos ou inadimplências.
e. Ganho e perdas na alienação (venda) de ativos imobilizados.











Correta letra A =  Ganhos e perdas atuariais em planos de pensão.

sexta-feira, 6 de setembro de 2013

Gabarito Administração Financeira - Exercícios resolvidos dos posts anteriores

GABARITO
1 – Máquina Elétrica é melhor
2 a) B melhor
b) Diferença mínima
c) Diferença irrelevante
3 – a) Não aceita
b) 246,8 milhões
4 – 346.995 ou 17349,75 ao ano
5 – a) Entre 16 e 17 anos
b) 6 anos
6 – 2 é melhor
7 – B é melhor
8 – D
9 – C
10 – A
11 – 3283,06
12 -5399,36 ; 10798,70 ; 16198,10
13 – 2076,81
14 – 3,8% a.m
15 – a) entre 4 e 5 anos
b) mais vantagem comprar o carro
16 – K é melhor
17 – 7971675,84
18 – Novo é melhor
19 – a) 20,33% ; b) Y é melhor
20 a) B é melhor
b) A é melhor

quarta-feira, 3 de abril de 2013

Exercício Resolvido de Contabilidade - continuação III

RESULTADO DO EXERCÍCIO
DESPESARECEITA
C.M.V. 220.000,00 VENDAS 370.000,00
DESPESAS COM JUROS     2.000,00
DESCONTOS CONCEDIDOS     1.000,00
ALUGUEL   40.000,00
IMPOSTOS   10.000,00
LUZ E TELEFONE     5.000,00
MATERIAL EXPEDIENTE   25.000,00
DESPESA PRÓ-LABORE   50.000,00 PREJUÍZO DO EXERCÍCIO-121.771,60
DESP. ORDENADO 100.000,00
DESP. ENCARGOS SOCIAIS   25.971,60
DESP. FGTS   12.000,00
DEPRECIAÇÃO       500,00
APROPRIAÇÃO DESPESA       300,00
SOMA aplicações 491.771,60 SOMA encargos 491.771,60


terça-feira, 26 de março de 2013

segunda-feira, 25 de março de 2013

Exercício Resolvido de Contabilidade - continuação I

ATIVO01.02.09PASSIVO
Aplicações de recursosOrigens dos recursos
Circulante71.000Circulante70.000
Caixa30.000Fornecedores70.000
Clientes10.000
Provisão p/créd.de liq. Duvidosa-300
Mercadorias em estoque30.000
Prêmios de Seguros a vencer1.300
Não CirculantePatrimônio Líquido24.000
Imobilizado23.000Capital Social50.000
Veículos24.000Preju[izo acumulado-26.000
Deprec. Acum. Veículos-1.000
SOMA aplicação dos recursos94.000SOMA origens dos recursos94.000

segunda-feira, 11 de março de 2013

Exercício Resolvido de Contabilidade - Balanço Patrimonial

O patrimônio da empresa nº2 Ltda., em 1º de fevereiro estava assim constituído:

TÍTULO
R$
1Capital
50.000,00
2Lucros disponíveis ou Prejuízos a amortizar
?
3Caixa
30.000,00
4Veículos
24.000,00
5Depreciação acumulada de veículos
1.000,00
6Clientes
10.000,00
7Provisão para crédito de liquidação duvidosa
300,00
8Mercadorias - Estoque
30.000,00
9Fornecedores
70.000,00
10Prêmio de seguros a vencer
1.300,00

terça-feira, 29 de janeiro de 2013

Balanço Patrimonial - Classificação Quantitativa - Lei 6404 - Conceitos

*Ordem decrescente do grau de liquidez
ATIVO
CIRCULANTE
Art. 179 - inc. I - "Disponibilidades, os direitos". Ex.: caixa, bancos, duplicatas a receber, mercadorias, produtos prontos, produtos em elaboração, matéria-prima, prêmios de seguro a apropriar, IPI e ICMS a recuperar.
REALIZÁVEL A LONGO PRAZO
Art. 179 - inc. II - Ex.: duplicatas a receber a longo prazo, empréstimos a diretores, acionistas, soc. controladas, coligadas.

segunda-feira, 28 de janeiro de 2013

Classificação Qualitativa do Patrimômio - Exercício Resolvido

ATIVOPASSIVO
Aplicações de recursosOrigens dos recursos
Bens numerários40.000Capitais alheios120.000
Caixa10.000Débitos de funcioname.80.000
Bancos30.000Fornecedores30.000
Investimentos165.000Impostos a pagar50.000
Bens de venda15.000Débitos de financiamento40.000
Mercadorias em estoque15.000Empréstimos bancários40.000
Bens circulantes7.000Capitais próprios125.000
Matérias primas5.000Capital Social45.000
Comb/lubrif. Em estoque2.000Reservas de capital20.000
Bens de uso83.000Reserva de ágio p/
Equip. de inform.3.000subscrição de ações20.000
Imóveis10.000Reservas de lucros50.000
Máq. Equipamentos20.000Reserva legal50.000
Patentes de invenção10.000Valores de regularização10.000
Móveis e utensílios40.000Receitas recebidas antecip.10.000
Bens de renda30.000
Ações de outras cias.10.000
Letras do Tesouro Nac.20.000
Créditos de financ.30.000
Compradores30.000
Valores de regularização40.000
Despesas antecipadas40.000
SOMA aplicação dos recursos245.000SOMA origens dos recursos245.000